WordPress abandona Internet Explorer 6

O time responsável pelo desenvolvimento do popular WordPress.com anunciou que (finalmente) a plataforma irá deixar de ser gentil com aqueles que ainda insistem em usar o decano Internet Explorer 6 em suas navegadas pela internet. Alegando “crescente complexidade dos remendos necessários” para fazer com que o WordPress rode decentemente no antigo navegador da Microsoft, a empresa anunciou o fim do suporte ao programa.

Continuar lendo “WordPress abandona Internet Explorer 6”

Anúncios

wordpress não atualiza SAFE MODE Restriction in effect

Objetivo do post: Mostrar para quem segue o bitmasters como solucionar um erro comum que acontece muito na atualização do wordpress automática: safe mode restrict in effect, Exemplo:

"Warning: touch() [function.touch]: SAFE MODE Restriction in effect. The script whose uid is 10202 is not allowed to access /tmp owned by uid 0 in …httpdocs/blog/wp-admin/includes/file.php on line 199
Falha no download. Não foi possível criar o arquivo temporário."

Continuar lendo “wordpress não atualiza SAFE MODE Restriction in effect”

wp-admin wordpress redirecionando pra localhost

Uma boa parte de quem usa/usou wordpress alguma vez foi testar o cms em localhost, e isto é compreensível já que gostamos de colocar para todos verem quando o resultado é apresentável. Um erro que ocorre ao você subir um site em wordpress para um servidor é que ao tentar acessar o wp-admin você acaba sendo redirecionado para localhost. Isso acontece porque o wordpress grava em seu banco de dados na tabela wp-options (prefixo que vc escolheu – options, no meu caso mantive o wp) o endereço correto. 

Para consertar isso acesse o seu banco de dados, vá na tabela wp-options e mude o endereço do blog que está contido em 2 opções -> siteurl e home.

Simples assim. Valeu e até a próxima.

Retirar o nome do autor do post no WordPress

O Cms WordPress ainda não oferece a opção de retirar pelo sistema o nome do autor que aparece do lado de cada post. Para retirá-lo entre na pasta do seu tema e procure pelo arquivo index.php ou home.php.

Em seguida encontre a linha que chama a função the_author(). Provavelmente ao lado dela você tera a the_time() e mais a  comments_popup_link().


Só apague ou comente essa linha e pronto. 

Como Traduzir Temas do WordPress

A tradução de wordpress themes é fácil mas por vezes trabalhosa. Uma pessoa com experiência demora alguns minutos a algumas horas para traduzir um tema, dependendo da complexidade do mesmo. É preciso ter em conta que cada tema é um tema, uns são simples e outros são mais complexos.
Existem duas formas de traduzir um tema: traduzir todos os ficheiros do tema ou utilizar um ficheiro .po e .mo para traduzir o tema todo num só ficheiro.
A primeira opção é aquela que funciona sempre e que nunca falha. Já a segunda, o tema tem de estar preparado para ser traduzido desta forma. Neste artigo aprenda a traduzir um wordpress theme!

 

 

Opção Nº1: Traduzir todos os ficheiros do tema.

Esta é a opção que escolho em 99% dos temas que traduzo. É a solução mais eficaz e talvez a mais cansativa, mas funciona sempre!

Como Fazer?

Passo 1. Comece por transferir e instalar no seu computador o programa NotePad ++. Este programa é um bloco de notas adaptado para algumas linguagens de programação. Utilizo e recomendo!

Passo 2. Agora começa a tradução: Abra apenas os ficheiros .php do tema, procure por palavras em inglês e traduza essas palavras.

Veja a seguinte imagem. O texto dentro das caixas a vermelho é o que deve ser traduzido.

Como Traduzir WordPress Themes

Traduzir Temas WordPress

Este processo deve de ser feito em todas as páginas do tema. Relembro que deve de traduzir apenas os ficheiros php, ficheiros CSS e js (javascript) não devem de ser traduzidos.

Passo 3. Para evitar problemas com caracteres como o “é”, “ç”, “ã” é recomendado que sejam convertidos para HTML. Existe um post interessante no blog da @erikasarti onde pode encontrar a lista de caracteres especiais assim como os respectivos códigos em HTML. Veja o post aqui.

Para substituir os caracteres rapidamente, depois de ter traduzido o tema, abra os ficheiros traduzidos no (um de cada vez) no NotePad ++ e faça o seguinte:

Pressione as teclas CTRL+F e na janela que abriu clique na tab Substituir. Insira primeiro a letra a ser substituída e em baixo coloque o código HTML. Depois clique em “Substituir Tudo”.

Traduzir Temas WordPress -  Substituir Caracteres Especiais

Traduzir Temas WordPress – Substituir Caracteres Especiais

Opção Nº2: Traduzir através de um ficheiro .PO.

Esta é uma opção que tem vindo a ser cada vez mais utilizada tanto em temas como em plugins. Consiste em, num tema com suporte a esta tecnologia, traduzir várias partes do tema através de um único ficheiro.

Normalmente os temas que suportam os ficheiros .po vêm já com um ficheiro por defeito em inglês. O que costumo fazer é fazer uma cópia desse ficheiro e renomea-lo com o nome da lingua em que o meu wordpress está (pt_PT – Português de Portugal – pt_BR – Português do Brasil) e começar a fazer a tradução com o programa PoEdit.

Como Fazer?

Passo 1. Faça uma cópia do ficheiro .po original e renomeie a copia do ficheiro original para pt_PT (Português de Portugal) ou pt_BR (Português do Brasil).
Passo 2. Instale o programa PoEdit e abra o ficheiro com esta aplicação.
Passo 3. Comece a traduzir todas as linhas de texto. Exemplo:

Traduzir Temas WordPress - Poedit

Traduzir Temas WordPress – Poedit

Passo 4. Guarde as alterações e assegure-se que o ficheiro alterado está no mesmo local onde está o ficheiro original.

Tradução das Datas

Traduzir as datas também é muito fácil. Se utilizar o primeiro método deve de procurar pela tag da data e substituir os valores.

Por exemplo, se quiser colocar a data do tipo “1 de Janeiro de 2010″ na seguinte tag:

<?php the_time(‘F j, Y’); ?>

basta alterar para:

<?php the_time(‘j de F de Y‘); ?>

Se utilizar o método de tradução através do poedit, procure por uma linha que tenha um texto pequeno como F j, Y e substitua pela data pretendida.

Os diferentes tipos de datas

Como aqui apenas vou indicar as datas mais utilizadas na língua portuguesa, recomendo a leitura desta página do WordPress Codex.

j de F de Y » 1 de Janeiro de 2010
d/m/Y » 01/01/2010
d/m/y » 01/01/10
d F Y » 01 Janeiro 2010
d f Y » 01 Jan 2010
d f y » 01 Jan 10

Notas Finais

Depois de terminar, não se esqueça de transferir o tema para o seu alojamento (hospedagem). É importante também lembrar que deve de fazer um backup do tema antes de ser traduzido, para o caso de alguma coisa correr mal.

Espero que este artigo tenha sido útil. Se tiver dúvidas, recorra o fórum da comunidade portuguesa de wordpress ou deixe um comentário para que o possamos ajudar.

Como instalar tema no wordpress

Existem várias formas de instalar um tema mas apenas vou falar nas duas que são mais simples:


Instalar via Browser (Painel de Administração do WordPress)
As versões mais recentes do wordpress possibilitam a instalação de temas através do painel de administração. Para tal vá a “Apresentação” e nessa página clique em “Instalar Temas“.
Nesta página é possível instalar o tema das seguintes formas:
Procura: Pode procurar um tema gratuito que esteja no site de temas do wordpress.org.
Upload: Pode fazer o upload de um tema que tenha transferido para o seu computador. Só a pasta do tema pode ser enviada e tem de estar compactada no formato zip.


Instalar um Tema via FTP
Comece por aceder com o programa de FTP ao seu alojamento
Entre na directoria onde o blog está instalado
Entre na pasta “wp-content” » “temas”
Descompacte o tema no seu computador e arraste a pasta do tema para a pasta “themes” que está no alojamento
Deixe a transferência terminar e vá ao painel de administração do wordpress no menu “Apresentação” e active o tema

o wordpress

Wordpress surgiu da necessidade de se criar blogs, hoje o wordpress está muito poderoso indo de blogs a sites customizáveis e grandes. Muitos layouts são feitos dia a dia para wordpress pela enorme facilidade. WordPress é um sistema de gerenciamento de conteúdos na web, escrito em PHP e corrido em MySQL, especialmente para a criação de blogs. WordPress foi criado a partir do já desaparecido b2/cafelog e é hoje, junto com o Movable Type, o mais popular na criação de Weblogs. As causas do seu rápido crescimento são, entre outras, seu tipo de licença (de código aberto), sua facilidade de uso e suas características como gerenciador de conteúdos. Criado por Ryan Boren e Matthew Mullenweg, é distribuído sob a GNU General Public License sendo gratuito.